MTV Brasil

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Morre o Cabeleireiro agredido na Boate Queen. Sua morte será investigada como homofobia


2013-05-28-queen-homfoobia-rio-585x425
De acordo com a polícia Civil, a morte Luiz Antônio de Jesus, de 49 anos, agredido na boate Queen, no Rio de Janeiro, será investigada como homofobia.
O cabeleireiro foi internado na madrugada de domingo, 25, com traumatismo craniano e lesões no rosto e no pescoço. Ele morreu na tarde desta terça-feira.
Segundo a polícia, “o caso foi encaminhado para a Divisão de Homicídios (DH) e está sendo investigado como crime de homofobia, seguindo a portaria 574 criada em 9 de fevereiro de 2012, pela chefia de Polícia Civil. O documento determina entre outras providências, a inclusão do nome social de travestis e transexuais no registro de ocorrência, bem como a inserção do termo homofobia no campo referente ao motivo presumido do crime.”
Antonio Ricardo Lima, delegado titular da 32ª DP (Taquara), que inicialmente estava investigando o caso, afirmou, ao “G1″, que seguranças, funcionários e parentes da vítima já prestaram depoimento, as imagens do estabelecimento já estão sendo analisadas e o local passa por perícia.

Fonte: G1
Ocorreu um erro neste gadget