MTV Brasil

segunda-feira, 29 de abril de 2013

DJs belgas serão atração de festa paulista em Salvador

 

Dimitri Vegas & Like Mike são um dos duos mais badalados da cena eletrônica mundial do momento

 
 
Salvador vai receber no feriado de 1º de maio, os irmãos belgas Dimitri Vegas & Like Mike. A dupla se apresenta pela primeira vez na capital baiana, durante a festa Serena Tour Sunset, que acontece a partir das 14h, no Bahia Café Hall (Paralela). Os ingressos variam de R$50 a R$120.

Veja outros shows programados para Salvador

Os belgas são os residentes do maior festival de música eletrônica na Bélgica, o Tomorrowland Festival. Suas apresentações são cheia de energia e de interação com o público.

Dimitri Vegas & Like Mike se apresentam ao lado de Wolf Pack e Alex Mind. Além deles, está confirmado o hitmaker Tikos Groove e os paulistas Rodrigo R2, Presskit, além dos baianos AJ Perez e DJ Roots.

A Sirena Tour Sunset, que terá um total de 10 horas de música eletrônica, sem intervalo,  é uma festa itinerante do Sirena Club, na praia de Maresias, no litoral de São Paulo. A festa reproduz a atmosfera das badaladas noites no beach club paulista, regada à música eletrônica e muita azaração.
 
 
Sirena Tour Sunset Onde - Bahia Café Hall
Quando - 1º de maio de 2013, das 14h à 0h
Ingressos Pista - R$ 50,00 (meia entrada)*
Camarote Open Bar - R$ 90,00 (feminino) 120,00 (masculino)*
Forma de
pagamento - Dinheiro e cartão de debito e credito
Classificação - 18 anos (camarote) 16 anos (pista)
Atrações: Dimitri Vegas & Like Mik, Alex Mind, Wolfpack, DJ Tiko's Groove, Rodrigo R2, PressKit, Aj Perez e DJ Roots.
Local de Venda: Ticketmix (Shoppings Barra, Iguatemi, Paralela e Salvador Shopping). Lojas Limits (Shoppings Barra, Iguatemi, e Salvador Shopping)
*Valores do Primeiro Lote. Sujeitos a alteração sem o prévio aviso. Taxa de Conveniência R$ 5,00 

quinta-feira, 25 de abril de 2013

I Festival Habemus Rock
 
 
 

Mais informações

Em abril, Salvador vai sediar um novo festival de música independente, o Habemus Rock. Em três sextas-feiras (12, 19 e 26/04), o evento reúne um total de nove bandas (seis de Salvador e três do interior do estado) que revelam uma nova safra do rock baiano.

O evento surge da vontade de reunir em um único evento shows de bandas que surgiram recentemente em Salvador e que têm tocado de forma independente. De acordo com a organização, a ideia é estimular parcerias, além de apresentar ao público as novidades do cenário rocker baiano e toda a sua diversidade de estilos.

Bandas da capital e do interior do estado (convidadas) vão dividir o palco no Sunshine. Nesta primeira edição, se apresentam as bandas soteropolitanas: Falsos Modernos, Callangazoo, Os Jonsóns, Gepetto, Vitrola Azul e Andaluz. As convidadas do interior são The Gins! (Cruz das Almas), SAL (Feira de Santana) e Na Terra de Oz (Vitória da Conquista).
PROGRAMAÇÃO:
Dia 12/04 – Sexta- The Gins! (Cruz das Almas)
- Callangazoo
- Os Jonsóns
Dia 19/04 – Sexta- SAL (Feira de Santana)
- Andaluz
- Vitrola Azul
Dia 26/04 – Sexta- Na Terra de Oz (Vitória da Conquista)
- Gepetto
- Falsos Modernos

 

Data e Horário

Sexta, 26 de abril, 21:00

Local

Bar Sunshine

Rua Guedes Cabral
Bar Sunshine - Rio Vermelho

Preço

R$ 15,00 (Couvert)

sábado, 13 de abril de 2013


Hoje, 13 de abril, é comemorado o Dia Internacional do Beijo, data dedicada aos românticos e apaixonados.
O beijo é ato mais praticado em todo o mundo, ele pode ser dado em um simples cumprimento entre amigos como também pode selar uma união como o casamento.
O beijo bem forte e apaixonado que vemos nos filmes mais românticos de hollywood é o mais praticado dentre as formas de beijar. Para você que quer comemorar em alto estilo esta data especial com a pessoa amada, aqui vão 15 super dicas para surpreender a pessoa amada e dar aquele beijo de tirar o fôlego.




15 dicas para fazer ao beijar
Fonte: www.ufg.gov.br
1. Suavidade, sempre: mova seus lábios suavemente. É a melhor forma de quebrar o gelo
2. Suavidade, de novo: trate de seguir o ritmo da outra pessoa se é suave, ou impor o seu, se não está confortável, mas evite afobação 3. Não à mesmice: mude os movimentos da boca e da língua para descobrir sensações novas.
4. Boca limpa: escove sempre muito bem os dentes. Nada pior do que dentes sujos ou com tártaro.
5. O ambiente também importa: se você estiver planejando o primeiro beijo com aquela pessoa especial, escolha um momento romântico e um lugar legal. Os beijos sempre ficam melhores quando o resto ajuda.
6. Mantenha a expectativa: se beijar é bom, manter o interesse da outra pessoa é ainda melhor. Não fique beijando o tempo inteiro… saiba a hora de parar um pouco, conversar e dar um tempinho antes de começar de novo.
7. Diminua o ritmo na hora certa: antes de parar o beijo, dê uma esfriada nele. Não é muito legal deixar a outra pessoa na vontade… 8. Perfume, sim: um cheirinho agradável no pescoço sempre é legal. Mas cuidado para não exagerar…
9. Abrace e acaricie: ao beijar alguém, você não tem que parar de fazer tudo. Use as mãos para fazer carícias e abraçar a outra pessoa. Cafunés são fundamentais…
10 Relaxe!: a melhor forma de dar um bom beijo é disfrutá-lo e o sentir. Ou seja, não adianta ficar tremendo na hora H.
11. Escolha bem a pessoa: beijar por beijar nem sempre é legal. Escolha bem a pessoa, a ocasião… escolhas erradas sempre dão resultados ruins.
12. Use os dentes: umas mordidinhas nos lábios são bastante excitantes para a maioria das pessoas. Vá com calma, mas não deixe de experimentar.
13. Feche os olhos: assim você poderá se concentrar no que está fazendo. Fora que é muito desagradável beijar alguém que está sempre de olhos abertos… parece que está procurando outra pessoa mais interessante para beijar, não?
14. Sorria depois: mostre à outra pessoa que você gostou do beijo. Se você ficar com uma atitude séria, vai parecer que o beijo foi horrível.
15. Dê um selinho ao parar: quase todo mundo gosta. Depois de dar aquele beijo de parar o trânsito, ao terminar, volte e dê só um selinho. Isso deixa a outra pessoa com vontade de beijar mais…


APROVEITEM O DIA E
 
BEIJEM MUITO!!!


quarta-feira, 10 de abril de 2013


SÉRIE 'AWKWARD' ESTREIA NA MTV NESTA SEGUNDA

Postado Portal MTV // gifawkward

MTV Brasil exibe, a partir desta segunda, 25 de março, a série 'Awkward', um retrato ácido e bem humorado das relações entre adolescentes.

A série é contada sob o ponto de vista de Jenna Hamilton, uma garota inteligente que se sente invisível na escola. Ela tem um relacionamento com o cara mais gato da turma, mas em segredo para não queimar o filme dele. Logo no primeiro episódio, Jenna sofre um acidente bizarro e mal compreendido que muda sua vida completamente.
Narrado em primeira pessoa por Jenna, que escreve suas histórias em seu blog secreto, 'Awkward' consegue capturar com humor os desafios e experiências que todos nós temos durante os anos de escola.
De um relacionamento secreto com um cara popular na escola aos conflitos com os pais que simplesmente não entendem o que está acontecendo, os problemas de Jenna acabam por servir de catalisadores para uma mudança incrível, mas não sem passar por muitos erros e percalços ao longo do caminho .
'Awkward' é estrelada por Ashley Rickards (Jenna), Beau Mirchoff (Matty), Molly Tarlov (Sadie), Jillian Rose Reed (Tamara), Jessica Lu (Ming) e grande elenco.
A série 'Awkward' estreia na MTV Brasil nesta segunda, 25 de março, às 20h e vai ao ar de segunda a quinta!

segunda-feira, 8 de abril de 2013

http://capricho.abril.com.br/blogs/diganaoaobullying/

4 motivos para assistir ao documentário “Bully”.



documentário “Bully” estreou no começo do ano nos EUA, mas chegou ao Brasil apenas na última semana. Dirigido por Lee Hirsch, o filme vem causando polêmica por mostrar de forma tão dura e pesada a realidade das crianças que sofrem bullying nas escolas americanas. Além do filme ser ótimo, você precisa assistir porque:
1. Ele acompanha por um ano a vida de crianças que sofrem bullying.
Lee Hirsch acompanhou mesmo os adolescentes da cidade de Sioux City, nos EUA, durante um ano inteiro. Ele filmou todos os momentos de angústia, sofrimento, xingamentos e agressões físicas. Além da falta de apoio de alguns pais e até consequências muito graves, como o suicídio de uma delas. Hirsh conseguiu provar seu ponto de vista, que o bullying virou uma epidemia nas escolas americanas.

2. Ele mostra outros problemas além do bullying.
A adolescente Kelby, de 15 anos, é lésbica e assumiu isso para toda a população da sua pequena cidade. Desde então ela sofre não só com o bullying dos colegas na escola, mas também com o preconceito de professores, vizinhos e conhecidos. Em um dos momentos mais revoltantes do longa, Kelby relata a distinção feita em tom de brincadeira por um professor, que lista os alunos por gênero durante a chamada: “garotos antes, depois garotas, em seguida Kelby”.

3. Ele busca encontrar uma solução para o problema.
Focado no depoimento dos participantes, o documentário tenta apontar uma solução concreta para o problema durante um debate organizado pelos pais de Tyler Long (um garoto que cedeu à pressão e acabou se suicidando). Uma fiscalização mais rígida dentro do sistema educacional norte-americano por parte dos pais e professores, e estímulo a um ambiente em que os jovens se sintam à vontade para relatar o que sofrem estão entre algumas ideias.

4. Ele mostra que bullying não é frescura.
A história principal do filme é a de Alex, um estudante de 12 anos que diariamente é ignorado e xingado na escola. Mas o pior momento para ele são os empurrões e socos dentro do ônibus escolar. O mais revoltante é que os pais do menino não acreditam no que acontece e ainda ficam bravos porque ele não sabe se defender. Só depois de assistir as cenas gravadas com uma câmera escondida é que eles percebem que a vida do filho é um inferno. O documentário também mostra o quão perigosas são as agressões desse tipo, que levaram um menino ao suicídio e outra garota a apontar uma arma para os colegas. =/

Assista ao documentário e leve seus amigos junto! Para saber mais sobre o filme, acesse o site The Bully Project.

#DigaNãoAoBullying: Conheça a história de Amanda Todd!


A história de Amanda Todd poderia ter sido muito diferente se ela tivesse amigos para ajudá-la. A garota canadense de apenas 15 anos sofria cyberbullying  e isso a machucava tanto, que Amanda tentou se matar várias vezes, até conseguir de verdade na semana passada.
A notícia do suicídio de Amanda chocou o mundo inteiro e fez com que todos refletissem sobre o bullying.  Como teria sido a vida de Amanda se ela tivesse alguém que a mandasse mensagens de apoio? Pensando nisso, jovens de diferentes países começaram a postar fotos em sua homenagem. 
Conheça Amanda, veja as mensagens de apoio e inspire-se: você também pode ajudar.

Amanda Todd, de apenas 15 anos, não sabia mais o que era viver sem
sofrer com o bullying. Ela chegou a mudar de escola várias vezes, mas as 
perseguições continuavam através do Face e publicações na internet. 
Sua tristeza era tanta, que ela tentou se matar várias vezes, chegando 
até mesmo a beber alvejante.
Antes de cometer suicídio, ela postou um vídeo no Youtube contando sua
história, os ataques que sofria e um apelo de ajuda, dizendo que não tinha 
ninguém e que precisava de um amigo.
Sua morte chocou os jovens de vários países, que começaram a postar fotos
segurando mensagens de apoio à Amanda, assim como ela tinha usado papéis
para falar no vídeo. Várias páginas no face foram criadas em homenagem à garota,
sendo que a maior delas já tem quase 1 milhão de fãs!
"Todos aqueles que sabem o que é sofrer com o bullying resolveram participar
do movimento. Amanada Todd, nós te amamos. Descanse em paz; 
foi o que essa garota escreveu "
"Descanse em paz, Amanda Todd <3 da="" font="" turquia="">

"Não só na Turquia, mas jovens do mundo inteiro estão mandando suas 
mensagens à Amanda. Essa por exemplo, é da Polônia".


“Enfrentei o bullying e a minha vida mudou”




A leitora T. A, 12 anos, mandou um depoimento contando da época em que sofria bullying na escola. Ela começou a se sentir muito mal  e pediu ajuda, o que foi essencial para a solução do problema.
“Sofro bullying há muito tempo por ser mais magra do que as outras pessoas da minha escola. Me chamavam de “raquítica” entre outras coias  que me magoavam. Eu sempre tentei levar para a o lado da brincadeira, para ver se as pessoas enjoavam daquele tipo de atitude, mas nada adiantava.  Este ano eu não aguentei mais. Eu chorava muito e não queria mais ficar próxima de ninguém, pois tinha medo de me ferir. Contei para a minha mãe sobre este problema, e ela me incentivou a explicar para a diretoria do colégio o que estava acontecendo. As pessoas que faziam isso comigo acabaram levando uma suspensão e, desde então, me tratam de maneira bem diferente. Por isso, por experiência própria dou a dica: se você sofre com o bullying, conte seu problema para alguém, pois a sua vida pode mudar.”
A psicóloga Cintia Vilani explicou os traumas que este tipo de agressão pode causa e quais atitudes são indicadas para esse momento, “Bullying é uma situação de violência verbal, mas é mais comum ficarem com traumas aqueles adolescentes que não tem apoio da família e dos amigos. Os sintomas de problema psicológico são a aversão social, ansiedade ou depressão e, nesses casos, é bom que ele procure um profissional para tratamento individual e com a família. “
Caso você enfrente um problema parecido com esse , avise aos seus pais e funcionários do colégio para que eles possam te apoiar no combate ao bullying.




quinta-feira, 4 de abril de 2013


Ator Clint Eastwood se manifesta contra proibição do casamento gay nos EUA

Por Redação em 01/03/2013 às 16h02
Ator Clint Eastwood se manifesta contra proibição do casamento gay nos EUA
Clint Eastwood acaba de dar mais um motivo para admirarmos. O talentoso ator e também diretor manifestou o seu apoio ao casamento gay através de um manifesto que será entregue ao Supremo Tribunal dos Estados Unidos.

O documento tem como objetivo tornar inconstitucional a Proposta 8, medida aprovada em referendo de 2008  que proíbe o casamento entre pessoas do mesmo sexo na Califórnia.

O ator Eastwood se juntou a dezenas de pessoas e empresas que estão a favor da causa LGBT. A lista completa de apoiadores só será divulgada depois que o documento for apresentado à Corte Suprema, no dia 26 de março.

O presidente dos EUA, Barack Obama, já pressionou o Supremo para que considere inconstitucional a lei contra o casamento gay.

terça-feira, 2 de abril de 2013


Billie Joe, do Green Day, desabafa sobre vícios: 'Eu não sabia onde acordaria no dia seguinte' Vocalista foi internado em clínica de reabilitação em setembro do ano passado após ataque de fúria durante show



Billie Joe Armstrong, vocalista, guitarrista e principal compositor do Green Day, finalmente recebeu alta da clínica de reabilitação onde foi internado em setembro do ano passado, e em entrevista à revista Rolling Stone, falou pela primeira vez sobre o ataque de fúria" que teve durante show do grupo no iHeart Radio Festival, em Las Vegas. "Eu me lembro de poucas coisas", revelou. Segundo Armstrong, o abuso de drogas chegou ao ponto de o frontman acordar em lugares desconhecidos. "Eu não conseguia prever onde eu terminaria a minha noite. Eu acordava em uma casa estranha, deitado em um sofá, sem lembrar de como cheguei lá. um blecaute completo", desabafou. Durante o show do Green Day no festival, Billie Joe se revoltou com o anúncio de que a banda só teria mais 1 minuto de show, e após distribuir diversos palavrões direcionados à produção do evento, destruiu sua guitarra e saiu do palco. A banda então cancelou toda a turnê de divulgação de "¡Uno!", "¡Dos!" e "¡Tré!", os três álbuns que o trio lançou em 2012. O Green Day vai retomar a divulgação dos álbuns em uma turnê norte-americana que começa no dia 28 de Março, em Chicago.

http://multishow.globo.com/musica/noticias/billie-joe--do-green-day--desabafa-sobre-vicios---eu-nao-sabia-onde-acordaria-no-dia-seguinte/

Ocorreu um erro neste gadget